Afinal, como fazer a prestação de contas para credores?

A prestação de contas de empresas de cobrança vai além do atestado de saúde financeira da organização. Em vez do simples balanço anual, que depende do volume de negócios realizados, é preciso trazer informações específicas para os credores. Isso significa que é necessário demonstrar, por meio de comprovantes, o que foi cobrado, o que foi recebido e o que foi renegociado.

Trata-se de um feedback para que o credor tenha a exata noção da efetividade do trabalho realizado e da forma como ele poderá contar com a sua carteira no futuro. Mais do que uma prestação simples, a contabilidade para credores traz credibilidade e transparência para a empresa de cobrança.

Mas como fazer uma boa prestação de contas para credores? O documento deve ser transparente, conter todos os detalhes dos serviços realizados e trazer informações adicionais que possam atestar as necessidades de se intensificarem as cobranças no futuro.

Veja quais são os principais pontos a serem trabalhados no documento:

Prestação de contas

A assessoria deve, periodicamente, acertar com cada cliente (credor) os valores recebidos, devidamente abatidos dos créditos a que tem direito, e também posicionar-se sobre os títulos não recebidos.

Devedores

O relatório deverá conter uma lista de todos os devedores contatados.

Deverão ser disponibilizados todos os contatos que foram realizados, por período, e um demonstrativo da efetividade de cada um deles. Isso significa que você precisará demonstrar se a dívida foi paga ou não e, em caso negativo, qual o motivo.

Pagamentos

Talvez o dado mais importante a ser incluído na prestação de contas para credores seja em relação aos pagamentos realizados e aos valores auferidos.

Nesse sentido, é importante acrescentar a informação de duas maneiras distintas:

  • por título baixado: cada pagamento baixado será disponibilizado junto aos dados do devedor, da negociação, da comissão e o repasse dos valores;
  • por título negociado: trata-se de uma informação importante, já que o cálculo da comissão leva em consideração a faixa de atraso dos títulos. Com isso, podem existir devedores que possuam títulos em faixas de atraso e comissões distintas. Assim, o credor pode verificar como foram feitos os cálculos de proporção e dos honorários/serviços.

Transparência

Um dos grandes objetivos do relatório de prestação de contas para credores é a transparência, fundamental para a continuidade do trabalho. Isso quer dizer que todos os valores constantes no relatório devem estar detalhados e devidamente comprovados.

Veja um exemplo:

Valor recebido do devedor: R$ 100,00.

Valor dos honorários/serviços: R$ 35,00.

Valor a ser repassado ao credor: R$ 65,00.

A transparência é fundamental para o bom relacionamento entre a empresa de cobrança e o credor, pois a entrega de uma dívida para ser cobrada por um terceiro deve ser rodeada de confiança o tempo todo.

Caso contrário, o trabalho pode ficar prejudicado. Atualmente, no mercado, existem softwares que permitem acompanhamento em tempo real pelo credor.

Viu só como fazer uma boa prestação de contas para credores? Fique atento, pois essas informações são fundamentais para a continuidade da relação entre a sua empresa e os seus credores.

Se você gostou deste texto, compartilhe-o com seus amigos nas redes sociais!

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x