Como fazer a antecipação de recebíveis do cartão de crédito?

imagem de uma mão masculina segurando um cartao de crédito

Vender no cartão de crédito não é mais um opcional — na economia em recessão que vivemos hoje, pode ser justamente a forma de manter o negócio rodando.

No entanto, apesar de trazer mais vendas, o cartão de crédito também pode ser um vilão, especialmente considerando as altas taxas cobradas pelas bandeiras e o longo prazo que elas exigem para reembolsar a empresa por uma venda. Para solucionar esse problema, muitas organizações optam por fazer a antecipação de recebíveis de cartão de crédito. 

Mas o que é a antecipação de recebíveis de cartão de crédito? Vale a pena mesmo fazê-la? Existem outras opções para gerar fluxo de caixa? Continue lendo e descubra a resposta para essas e outras perguntas sobre a antecipação do cartão de crédito! 

O que é antecipação de recebíveis de cartão de crédito? 

A antecipação de recebíveis de cartão de crédito é um recurso financeiro utilizado por empreendedores, onde o valor referente às vendas realizadas a prazo são reembolsados antes do prazo regulamentar estabelecido pelas operadoras. Em outras palavras, recebe-se antecipadamente por vendas que foram fechadas em parcelas, à prazo, com cartões de créditos. 

Embora sejam recursos financeiros completamente distintos, muitas pessoas ainda se questionam sobre a relação entre antecipação de recebíveis cartão de crédito e empréstimos bancários. 

Basicamente, enquanto os empréstimos se referem a valores que não são do empreendedor, a antecipação de recebíveis é na verdade o reembolso de quantias pertencentes ao empresário, mas que só seriam recebidos no futuro. Além disso, as taxas de juros dos empréstimos, comparadas à antecipação, são bem mais altas. 

Como funciona a antecipação de recebíveis de cartão de crédito?  

Conforme já explicado acima, a antecipação de recebíveis de cartão de crédito nada mais é do que solicitar o adiantamento dos valores das vendas realizadas no cartão. 

Isso porque toda compra feita no cartão de crédito demora um prazo para que o valor da compra caia na conta da empresa que faz a venda. Em geral, esse prazo varia de 30 a 45 dias, entretanto, caso a transação tenha sido parcelada, o valor pago pelas adquirentes (as maquininhas de cartão) também será em parcelas. 

Logo, esse é o motivo pelo qual muitas empresas optam pela antecipação de recebíveis de cartão de crédito, já que dessa forma é possível solicitar que o pagamento pelas vendas realizadas aconteça dentro de um prazo menor do que aqueles normalmente praticados pelas adquirentes. 

No entanto, isso não vem sem um custo. Apesar de oferecer condições melhores do que um empréstimo comum, as adquirentes ainda cobram taxas para realizar a antecipação. 

Essas taxas podem variar de empresa para empresa e são calculadas de acordo com o número de dias de antecipação do pagamento. Vale reforçar também que elas são calculadas independentemente da taxa administrativa do cartão, que já é cobrada invariavelmente. 

Instituições não financeiras podem realizar a antecipação de recebíveis de cartões de crédito?

De acordo com a resolução baixada em 2019, instituições não financeiras agora possuem permissão para antecipar os recebíveis de cartão de crédito, conforme prescrito nas resolução Bacen 4.734/2019 e na Circular Bacen 3952.

Tais medidas são uma grande revolução no mercado financeiro, já que representam a quebra de um grande paradigma e porque não dizer, a quebra de um monopólio. Vale ressaltar que, embora a resolução seja de 2019, seus efeitos e resultados práticos começaram a acontecer somente esse ano, com as primeiras operações.

Como fazer a antecipação de recebíveis cartão de crédito? 

Faça um diagnóstico financeiro 

Primeiramente, entenda que a antecipação de recebíveis de cartão de crédito não é um procedimento gratuito. Assim, antes de dar início a esse procedimento, faça um diagnóstico financeiro da sua empresa e avalie se é realmente necessário utilizar esse recurso. 

Contrate o serviço 

Após realizar o diagnóstico financeiro, entre em contato com a sua instituição financeira de seu relacionamentoe, com a operadora do cartão ou com uma instistuição não financeira (conforme Resoluções Bacen 4.734/2019 e Circular Bacen 3952) e faça o pedido de antecipação. Lembre-se que o dinheiro resgatado é da empresa e a tarifa cobrada é descontada diretamente da quantia antecipada. 

Escolha o pagamento que quer antecipar 

Analise as vendas e faça a soma do valor a ser antecipado. Sempre tendo em mente que quanto mais alto o valor, maior a taxa. 

Analise as taxas de antecipação 

Analise quais são as taxas de antecipação e veja se ainda é proveitoso dar andamento no processo. 

Atualize seu fluxo de caixa 

Por fim, não se esqueça de registrar a entrada dessa quantia e de dar baixa nos recebimentos antecipados. 

Vantagens e desvantagens de antecipar os recebíveis do cartão 

Vantagens:  

  • Gerar fluxo de caixa: a antecipação permite que você receba antes da data de vencimento contratada com a operadora do cartão. Isso pode ajudar em momentos que você precisar de caixa para quitar as despesas referentes àquele mês e equilibrar as contas. 
  • Taxas menores que empréstimos: como falamos, as taxas praticadas na antecipação de recebíveis do cartão de crédito são menores do que as praticadas nos empréstimos empresariais. A burocracia aqui também é menor, uma vez que a venda já foi realizada e a aprovação do pedido não depende de especulação. 
  • Comodidade no processo: A antecipação de recebíveis te ajuda a planejar o pagamento das suas dívidas, além de ser um processo bastante flexível e sem burocracia. 

Desvantagens  

  • Acúmulo de taxas: apesar de possuir taxas menores do que as do empréstimo empresarial, ainda são taxas em cima do que você vendeu. Como na antecipação são cobradas a taxa administrativa e a taxa de antecipação, você pode acabar tendo muito do valor da sua venda descontada, prejudicando suas receitas; 
  • Pode gerar um vício: a antecipação de recebíveis do cartão de crédito pode ser uma opção para momentos de emergência. No entanto, se você se acostumar a sempre pedi-la pela facilidade do processo, pode acabar vendo suas margens de lucro minguando junto com seu negócio. 

Conheça a Factoring: a antecipação de duplicatas e cheques 

Da mesma forma que é possível solicitar a antecipação de recebíveis do cartão de crédito junto à sua adquirente, você também pode fazer a antecipação de duplicadas e cheques referentes a vendas a prazo. 

Nesse caso, quem faz a antecipação é uma empresa de Factoring. Uma Factoring nada mais é do que uma empresa que realiza o fomento mercantil: o ato de comprar cheques ou duplicatas de um sacador cedente (empresa que fez a venda) e assumir a dívida, antecipando o valor da venda.  

Dessa forma, o sacador cedente pode gerar fluxo de caixa (assim como na antecipação pelo cartão de crédito) para pagar dívidas, investir na compra de matéria-prima ou novos equipamentos, entre outros. 

A grande diferença é que, com a Factoring, as taxas são menores e o processo não configura contração de dívida, mas sim uma operação de compra e venda comum, em que a Factoring passa a ser a nova detentora dos direitos dos recebíveis daquela duplicata ou cheque. 

É ela também que passa a ser responsável pela cobrança da dívida junto ao sacado devedor, liberando a empresa de preocupações ou problemas com a inadimplência. Em suma, o fomento mercantil é também uma opção atrativa para antecipar os valores das vendas a prazo (inclusive de cartões de crédito). 

No entanto, caso a empresa realmente precise antecipar os recebíveis do cartão, é recomendado que um bom planejamento financeiro seja realizado junto para evitar cair em armadilhas ou criar uma bola de neve. 

E aí, gostou do artigo? Então acesse o blog da Decisão Sistemas e fique por dentro de mais conteúdos como esse!

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Aniversário Decisão Sistemas | 50% de desconto nas primeiras 2 mensalidades

0
Would love your thoughts, please comment.x