O que é Machine Learning e por que ele é importante em softwares de gestão?

Mulher tocando uma interface holográfica de tecnologia inteligente

Em tradução livre, machine learning significa aprendizado de máquinas, e como o nome já diz, o objetivo dessa tecnologia busca fazer com que as máquinas tenham habilidades cada vez mais inteligentes para executar tarefas humanas.

Para quem quer crescer nos negócios, conhecer essa ferramenta é de suma importância, pois a partir dela é possível construir previsões sobre o futuro. Com o uso de machine learning, as empresas podem desenhar tendências sobre o mercado de trabalho e muitas outras novidades disponíveis aos consumidores.

Então, se você quiser saber mais sobre essa tecnologia, acompanhe este artigo para aprender mais sobre o assunto.

O que é Machine Learning?

O termo Machine Learning foi criado por um engenheiro da computação chamado Arthur Samuel, que desenvolvia máquinas autônomas. Seu objetivo era oferecer aos computadores a capacidade de aprender sem serem programados para isso.

Até hoje esse conceito é usado com a finalidade de fazer com que as máquinas aprendam a executar tarefas a partir de dados históricos. Isso é possível por causa dos algoritmos, que são capazes de identificar padrões entre os dados.

Com estas informações, as máquinas se tornam capazes de aprender a executar tarefas com ou sem a ajuda humana. Inclusive, para as empresas, a tecnologia pode ser usada para diversos fins, permitindo a automatização de tarefas, que antes precisavam do olhar humano para serem realizadas.

Exemplificando, o machine learning pode ser usado para recomendar produtos extras para um cliente, visto que através da análise de dados, é possível prever produtos que a pessoa precisará, sem necessariamente ser algo relacionado à compra natural.

Entre as funções do machine learning, está a capacidade de reconhecer comportamentos, classificações, valores, fazer previsões e gerar resultados que só poderiam ser obtidos a partir de uma análise detalhada de dados.

Qual a importância do Machine Learning?

O aprendizado de máquinas é, sem dúvida, um dos mais bem-vindos avanços que a tecnologia digital nos trouxe, já que a tecnologia se mostra uma aliada essencial para realizar tarefas antes trabalhosas demais ou com alta incidência de falha humana.

É por isso que o machine learning tende a ganhar cada vez mais relevância, já que as máquinas aprendem por conta própria a processar esses dados e dar utilidade a eles. Dessa forma, os softwares e equipamentos construídos pelo homem conseguem analisar dados cada vez mais complexos e numerosos, de forma automática e rápida.

Como resultado, temos informações mais precisas e ágeis, mesmo que em grande escala, e riscos muito menores.

Conheça os tipos de machine learning

Aprendizado supervisionado

O sistema recebe um conjunto prévio de dados que contém a resposta correta, ou seja, as soluções já estão definidas, e a máquina só precisa mostrar o resultado certo a partir das variáveis.

Aprendizado não-supervisionado

Neste caso, não há um resultado específico esperado ou resposta correta. Isso significa que o cruzamento dos dados depende das variáveis inseridas no sistema, e é um tipo de machine learning bastante complexo.

Aprendizado semi-supervisionado

Este tipo combina os dois tipos de dados, os rotulados e não rotulados. Desta forma, existe uma pequena quantidade de respostas definidas entre as incertezas, que ajudam a direcionar as descobertas da máquina.

Aprendizado por reforço

Esse tipo de machine learning não possui nenhum conjunto prévio de dados e a máquina aprende através do sistema de tentativas, por erro e acerto.

Podemos dizer que esse modelo desconsidera um pouco o valor dos dados (rotulados ou não rotulados), e valoriza mais o ambiente. Neste tipo, existem sempre três variáveis: o agente (a máquina), o meio (lugar onde o agente atua) e as ações (atividades do agente).

Por que usar o Machine Learning em softwares de gestão?

Para as empresas, o machine learning serve para automatizar as mais diversas tarefas, e portanto, é possível diminuir os custos ao contratar menos funcionários e aumentar a produtividade.

Além disso, ao reconhecer padrões, os algoritmos também conseguem entregar previsões de resultados. Então vamos entender um pouco melhor porque usar machine learning em softwares de gestão.

Assistentes pessoais

Grande parte dos aparelhos digitais disponibilizam assistentes pessoais, que permitem que os usuários interajam com a máquina por reconhecimento de voz.

Com o acesso aos dados da nuvem, a interação com o usuário pode ser bem maior e mais precisa, como por exemplo com informações sobre a situação atual do negócio e nível de vendas.

Autonomia na gestão

Ainda não conseguimos processar bilhões de informações apenas com o cérebro humano, mas temos as máquinas para fazer isso, e assim, é possível chegar a insights muito mais profundos, que jamais seríamos capazes de identificar.

Automação de operações

Um dos principais impactos do machine learning nas empresas é a automação de boa parte das operações, como por exemplo a análise de crédito.

Muitas atividades que eram feitas manualmente, podem ser realizadas de forma automática, ou seja, haverá a necessidade de menos mão de obra e os processos poderão ser mais ágeis.

Mais segurança

A aplicação do machine learning torna os sistemas das empresas muito mais poderosos, e isso engloba recursos como por exemplo a identificação de rostos para restrição ou permissão de acesso.

Além disso, é possível reconhecer comportamentos considerados anormais, com a geração de alertas em resposta a violações como fraude de documentos, por exemplo.

Ainda no âmbito da segurança, podemos também exemplificar o uso do machine learning por parte das operadoras de cartão de crédito, que utilizam a tecnologia para validar compras, sinalizando operações suspeitas considerando os padrões de consumo do usuário.

Inteligência personalizada nos negócios

Hoje em dia os negócios precisam estar em constante evolução, e no machine learning, os algoritmos mostram resultados aqui e agora, e não apenas em relação aos dados históricos, permitindo ajustes no curso do negócio em tempo real, no ritmo acelerado das mudanças.

Melhores resultados

Esse é certamente um dos grandes benefícios do machine learning – melhores resultados. Através da automatização de diversas tarefas, as empresas precisam de menos pessoas para trabalhar, os riscos de erro humano são drasticamente diminuídos e, com a possibilidade de previsões para o futuro, a empresa pode se antecipar às tendências e melhorar os resultados.

Conclusão

O Machine Learning é uma das áreas da inteligência artificial com a capacidade de revolucionar a forma de gestão das empresas.

Ela é certamente uma ferramenta importante e que tende a trazer muitas mudanças não só dentro das empresas, mas também na sociedade que a cada dia exige mais da tecnologia.

E você, é um entusiasta da tecnologia? Deixe seus comentários e compartilhe suas dúvidas.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x